sábado, 2 de julho de 2011

Noite Mané! Noite História na Célula!!!

Quando eu li o recado do Rafinha no facebook pensei: minha nossa isso é um "combo" mané. Pensei e comentei lá rsrsrs...mas pudera, em uma mesma noite: Odilio e Darci e seus "stand ups" e ainda shows com Gente da Terra e Grupo Engenho! Noite mais mané impossível!

Logo depois que soube, recebi um telefonema do "Tio Amaro" me convidando a apresentar o evento...imagina, né? Olha a honra!
E lá fui eu. Noite fria, chuva na ilha pensei: que pena, a celula vai estar vazia! Mas para minha total surpresa chegamos lá, eu e Eveline, e quase não encontramos lugar para estacionar! Célula simplesmente abarrotada. Foi dificil chegar no palco. Tão dificil que o Odilio entrou no palco antes que eu chegasse lá rsrsrs...
Foi uma noite linda!!!
Conhecço o Odilio, e seu criador Alceu, das participações dele no Jornal do Almoço, mas nunca tinha visto ele no palco e olha: ARRASOU! No fim, Alceu propôs que todos cantássemos o hino de Floripa: "Rancho de Amor a Ilha". Foi maravilhoso!!
Não é a toa que Odílio foi a inspiração para que outro mané da ilha criasse outro personagem o "Darci". Seu criador: Moriel, primo do Alceu.
Darci também deu um show...muita risada, minha nossa, cada vez melhor! E no fim o encontro dos dois no palco...risadas em dobro!
A Noite seguiu com o Grupo Gente da Terra que fez um showzaço! Banda afinadíssima e Rafinha comemorando sua volta a ilha da magia! Tio Amaro no comando da festa e como bem definiu Moriel: "esse cara não existe, é um trator de alegria" e é mesmo!!! E tinha música nova no repertório...será que vem aí novo CD da banda???? Já to torcendo muito por isso!
Para encerrar a noite um momento histórico: Grupo Engenho, em sua formação original, com Cristaldo, Chico, Marcelo, Alisson e  Cláudio  juntinhos no palco depois de 27 anos!!! sabe lá o que é isso?

Capa do primeiro vinil do grupo Engenho

Eu conheci o Engenho em 1980, quando cheguei em Floripa. Fui a muitos shows no auditorio da reitoria da UFSC, sim lá já foi teatro para shows! E foi emocionante ouvir as canções do jeitinho que as ouvia há mais de 30 anos: "Lua Mansa", "Força Madrinheira", "Barra da Lagoa", "Braço Forte" ... coisa boa vê-los no palco novamente! Espero ver esse show mais vezes!!!!
Coisa linda!
Parabéns ao Amaro pela iniciativa e por favor: repitam a dose!!!!

Um comentário:

Anônimo disse...

Olá! Realmente deve ter sido muito legal. Tomara que saia novo cd do Gente da Terra e bem que o Engenho poderia retomar as atividades com novo cd também em sua formação original. Bons tempos, hein?
Beijo, Juliano Gastaldi