domingo, 27 de junho de 2010

Bloomy!!!

Esses meninos estão com a faca e o queijo na mão!!!
Sim, a banda Bloomy é mais uma banda catarinense que está acertando a mão.
Conquistaram o lugar no palco das bandas jovens que vem a Floripa. Abriram os shows das bandas Hori e Cine e arrancaram suspiros e vibrações de um público que é visceral. Uma histeria que fazia tempo que eu não via acontecer!
 
Depois da primeira participação na abertura da banda Hori, fãs catarinenses criaram o Fã Clube Oficial e já no segundo show estavam lá com uma faixa enorme e várias demonstrações de preferência pela banda catarinense.



A competência da banda no palco fez os produtores apostarem na atração catarinense na abertura dos shows nacionais em Floripa e abriu caminhos para a Bloomy que hj faz parte da programação de rádios como a Atlântida FM, o que fez a banda ser a anfitriã do maior evento colegial de Santa Catarina que vai acontecer dia 17 de julho na Arena Multiuso de São José. Vão tocar ao lado da CPM22 no encerramento da gincana do Alpha Objetivo. Mas antes disso estarão em Curitiba participando do Acustico Mundo Livre no Jokers, dia 09 de julho!

Dias atrás ouvi a versão acustica feita para este show da música "Outono" e ficou lindaaaaa. E para mim, quando uma música rende uma bela versão acustica é porque a música é muito boa!!!!
A banda foi formada em 2007. Em 2008 lançaram o primeiro EP. Depois de idas e vindas de integrantes, atualmente a formação da banda está com Jeffs, Celo, Israel e Gu.
Portanto, agora é aproveitar as oportunidades e mandar ver.
Os meninos estão trabalhando em novas composições e logo, logo deve vir material novo por aí.
Boto fé!
Boa sorte a esses músicos que pra mim não deixam nada a desejar a bandas como Fresno e com certeza mandam muito melhor que Cines e Horis!!!!!
Portanto ao trabalho que o caminho já está se abrindo!!!!!!

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Uma reflexão sobre a Copa de Dunga!

E mais uma copa está em andamento.
No Brasil, é o momento maior de ufanismo, onde o País se veste de verde/amarelo e 90% da população opina, se interessa, defende o país. 
Ahhh se essa participação fosse assim, tão intensa, no momento eleitoral...talvez aqueles que fazem da política uma forma de levar vantagem pensassem melhor antes de aceitar propina e dar "aquele jeitinho" para se dar bem às custas dos eleitores.
Enfim...voltando ao futebol...
Nossa seleção estreou mal, fez uma segunda partida melhor  jogando contra a violência e o descaso do juiz.
Coisas do futebol.
Mas o que tem me espantado é o comportamento do treinador Dunga. Ele tem todo o direito de não sorrir nem de ser simpático. Tem todo o direito de esconder treinos e informações. Mas ele tem que saber que quanto mais esconde, mais ele vai ter que saber lidar com a especulação.  E a especulação prevê erros, exageros, assim como o comportamento do treinador. A chance dos erros acontecerem dos dois lados é muito maior.
Assistindo a coletiva do treinador da nossa seleção, ao vivo, depois do jogo contra Costa do Marfim,  fiquei com vergonha: além de falar mal seu próprio idioma, Dunga foi grosseiro quando não se controlou e começou falar palavrões, mesmo que sussurrando, mas captados pelos microfones. Estava xingando um repórter, acho que era da Globo, que deve ter feito alguma cara de dúvida ou sei lá o que para ele.
O reporter esportivo da ESPN definiu muito bem no twitter:
"Dunga demonstra desequilibrio, arrogância, despreparo que vai além das agressões ao português. E não se trata só de alguém contra a Globo.
Críticas ao trabalho de um técnico de seleção ou time grande, a um ministro, prefeito, presidente, ator, são inerentes a tais atividades. Não devem ser levadas para o lado pessoal. Quem não quer conviver com elas deveria se esconder em casa e também renunciar aos elogios,ora " 
É isso.
Ele está lá representando um país. Com uma carga monstro nas costas, mas deve sim dar explicações.
Se ele queria trabalhar na dele, sem ser interrogado, sem ter opiniões contrárias às razões que levam ele a tomar essa ou aquela decisão, então deveria treinar um time do bairro onde mora, nas peladas de fim de semana....e ainda ssim teria que dar explicações....rsrsrs
Escalação sempre tem suas críticas e eu acho que isso sim é uma decisão que só cabe ao treinador, é ele quem vai trabalhar com a equipe portanto, é ele quem tem que acreditar em quem chama.
Mas desrespeitar o telespectador, isso não é papel do treinador.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Invisivelmente - agora falta pouco pra ter o cd na sua casa!!!

Contagem regressiva para o lançamento virtual do novo CD da Aerocirco!!!!






A partir da meia noite deste sábado, vai estar disponível no site da banda o novo trabalho desses músicos catarinenses.
E posso dizer que é um caminhão sonoro, com letras maravilhosas, inteligentes!!!

Invisivelmente - Fábio Della

Todas as vezes parece
Não ser bem o meu lugar
Quis o calor, depois frio
Quis o chão, depois quis o mar
Mudo, mudo
A voz, a cor, o lugar
Minha metade é vontade
A outra é querer mudar

Como se eu fosse o único
Correndo mais que o mais rápido
Sendo maior que o máximo
Invisivelmente

Antes que tudo se acabe
Num salto de quem não dá
Veio o que ao ver me prende
E que me faz apaixonar
Mudo, mudo
Tenho o que quero lembrar
Que toda a minha vontade me trouxe
Onde eu quis chegar

Essa é só uma das músicas...
Dia 16 de julho, a banda vai estar de volta a ilha da magia e dos amigos órfãos hehehe e vai fazer um super show para comemorar o lançamento.
A produção de AMG e da Harmônica Entretenimento & Arte estão a mil.
A TVCOM vai dar apoio, já estamos um VT prontinho onde os meninos convidam para esse super show.
Em breve estará no ar. O show deve ser filmado para um super especial de final de ano na emissora.
Além da TVCOM também apoiam a Uati?(vai ser um dos pontos de venda de ingressos), Paredão Contracapa, Guiafloripa, Liverpool, Plugsom, Clube do Assinante, Inca, VMBmidia.

Portanto bora baixar o CD, aprender as letras e se acabar na frente do palco porque show da Aerocirco é adrenalina pura.

Sábado meia noite tá liberado vai no www.aerocirco.com.br  e pronto: download gratuito!!!!!

domingo, 13 de junho de 2010

E continuando... Eu e a música parte 3 !!!

Ontem fui ver a banda Expresso Rural no bar Santa Hora.
O espaço para bandas no bar ficou muito legal e o Expresso fez um show lindo mais uma vez!
Vocais maravilhosos, músicas que lembram uma época fantástica da minha vida.
O Expresso faz parte da minha história de paixão pela música.
Foi com eles que fiz junto com minhas amigas, inlcuindo aí a irmã do vocalista Daniel Lucena:Andréa, minha primeira matéria sobre música no "Jornal A Ponte". Na época eu tinha decidido faz jornalismo para escrever em jornal sobre música. Fazer o Marquinhos Espíndola faz tão maravilhosamente bem hoje.
Mas a vida me levou para a televisão. Me apaixonei pelo veículo e nunca mais investi em jornal impresso.
Por isso, além de amigos, de grandes músicos e compositores, os meninos da Expresso Rural também fazem parte da minha história.
E no ultimo post sobre minha relação de paixão com a música, e como isso me transformou em jornalista, eu terminei falando de como a gente conseguiu achar uma fórmula de chegar perto dos artistas.

Então... com aquela vontade de chegar perto de quem admirávamos, mas sem aquele clima "tietístico"...eu e minhas amigas começamos a investir em entrevistas com eles.
A gente fazia a ronda pelos hotéis e descobria onde estavam hospedados...aí ligávamos. Muitas vezes conseguíamos falar direto com os artistas. O Djavan foi um que atendeu e eu, do outro lado da linha, quase morri...rsrsrs.
Outras a gente falava com os empresários.
Diziamos que éramos estudantes e queríamos entrevistá-los para um trabalho da escola...meudeusné!
E em 99% dos casos eramos atendidas.
Com Djavan por exemplo ele falou: "ok estou no hotel é só chegar." A gente saía disparadas.
Nessas entrevistas a gente acabava conversando muito com nossos idolos e muitas vezes conseguíamos acompanhar boa parte dos bastidores deles na ilha.
Com Mú. Acustico exclusivo hehe
Com A Cor do Som e Alceu Valença a gente conseguiu até oferecer janta no apartamento onde eu morava com meus irmãos.
Chegamos a fazer viagens pelo sul para assistir a shows de quem a gente admirava.
Em uma dessas viagens aconteceu um dos fatos muito engraçados nessa caminhada de entrevistas.
Fomos para Ponta Grossa ver A Cor do Som. Como já tinhamos contatos, a gente sabia o horário de chegada deles no aeroporto de Curitiba. Fomos até lá porque tinhamos feito umas camisas em homenagem a eles...rsrsrs...falamos com eles no aeroporto e eles nos perguntaram: "tá e vocês vão como para Ponta Grossa? Querem carona com a gente? Nós recusamos prontamente porque não queriamos invadir o espaço deles e dissemos; "sim, vamos de ônibus, já temos passagens compradas". O que era mentira.

Saimos do aeroporto e lá fomos nós pra BR pedir carona. Naquela época não havia os perigos e temores de hoje. Quando estávamos lá com os dedos esticados eis que passa o ônibus da banda ... sim eles nos viram e pararam...a gente só viu o ônibus dando ré...quando pára saem os meninos: "suas malucas, a gente falou que vcs poderiam vir com a gente". Foi o maior mico...
Admitimos que mentimos e claro, aceitamos a carona. Fomos com eles.




Assistimos a passagem de som e aí sim, ficamos nos bastidores. Foi histórico pra nós apesar da vergonha de termos sido pegas na mentira rsrsrsrs
Assistimos ao show do palco .















Bom, histórias assim tenho aos montes e de tanto meus amigos falarem resolvi escrever um livro.
Vou começar ....
Portanto meus posts acabam aqui.
E se um dia esse livro sair mesmo vcs saberão!!!!!!
Ontem no Show da Banda Expresso eu e Andréa comentamos muito sobre nossas loucuras e vou contar com a ajuda dela e das minhas outras parceiras de loucuras musicais para lembrar de muita coisa....
Vamos ver se consigo!!!!

terça-feira, 8 de junho de 2010

Aerocirco e seu Invisilvemente

"Sem a música a vida seria um erro" esta é uma das frases célebres de Nietzsche da qual concordo inteiramente. Por isso me emociono quando ouço trabalhos que unem acordes e poesias com a maestria dos sábios...e conheço vários que tem esse dom supremo a quem sempre rendo minhas homenagens porque invejo imensamente esse dom!!! Tá, é invejinha branca ... porque me alimento dessa inspiração alheia pra fazer a trilha sonora da minha vida.

"Minha metade é vontade
 A outra é querer mudar
 Como se eu fosse o único
 Correndo mais que o mais rápido
 Sendo maior que o máximo
 Invisivelmente"
                       (Fábio Della)

Na minha lista de favoritos, Aerocirco está no topo porque a cada trabalho consegue me surpreender.
E, talvez, eles possam ser invisíveis ainda num mercado gigantesco de bandas e trabalhos independentes, mas estão fazendo a parte deles e muito bem feita!
Hoje ouvi o novo trabalho desta banda catarinense com sotaque universal "Invisivelmente" e posso garantir que este trabalho é mais uma vez a união da inspiração, talento e dom de unir música à letras maravilhosas.
"Invisivelmente" é o quarto trabalho da banda Aerocirco e foi o primeiro concebido no que eles definem como "a primeira imersão do grupo em tempo integral no estudio".
 Naqueles dias quentes do verão 2010, com as praias de Floripa bombando, eles se fecharam no estudio do grupo ´"Panela Virtual" e juntos definiram arranjos, lapidaram letras e registraram o trabalho, sem dúvida, mais maduro da banda.
Henrique, Mauricio, Lange e Della colocaram ali todas as suas influências e o resultado é aquela energia toda que quem já viu um show desses caras conhece bem.
No CD anterior "Liquidificador" Lange e Maurício estavam chegando na banda e o trabalho já estava praticamente pronto, por isso "Invisivelmente" é o retrato fiel do que a banda é hoje.
Como eles definem "Della continua sendo o principal compositor da banda", mas neste trabalho já surgem as contribuições de Lange e Mauricio.
A canção "A Pilula Certa" é assinada por Mauricio Peixoto.
(...)"Se não der mais prá vencer
       Disco a reta final
       Deixo o que for prá ser
       Sem esforço banal
       Vivo sem aprender
       O que é real
       Se for pra me arrepender deixo pro final"(...)
              
E "Amanhã" é uma parceria de Fabio Della com Rafael Lange.
(...)"Derepente há quem diga que amanhã não há mais
       Decidiu outra vida num mergulho no cais
       E assim foi embora prá onde o vento levar
       Disse o amor marcou hora
       Esse é meu lugar"(...)   

São 12 canções. Duas já conhecidas do público da Aerocirco "Faz de Conta" e "Não me leve a mal".
As outras são novidades para os ouvidos do público.
Desta vez a banda inovou levando para o disco sons de músicos convidados. Em "Ontem" as musicistas Aline Pires - Violoncelo e Tati Pires - Contrabaixo participaram e ficou lindo!!
No dia 20, a banda lança o CD na internet. Download gratuito pelo site da banda e esse é mais um ponto a ser elogiado: disponibilizar o conteúdo é dar acesso, e ter a chance de ter seu trabalho ouvido e reconhecido.
Obrigada ao Maurício e à banda por terem passado o material para que eu ouvisse (já estava tomando calmante na espera do CD hehehe) e Della, em relação a pergunta que me fizeste "Qual música que mais te chamou?" te digo: é dificil destacar uma só porque este trabalho traz músicas com vários temperos. Uma diferente da outra: balada, pop, rock  cada uma tem uma beleza particular. Não é por ser novo, mas este é o CD mais universal da banda e por isso, por hoje digo: cada uma toca a gente de uma forma diferente!!! E em várias eu estou ali...transcrita!!!
Desde março a banda está morando em São Paulo. Deixaram família, amigos e seus outros trabalhos para a dedicação total ao trabalho musical.
Só posso desejar toda sorte do mundo, porque nesse mercado imenso além de talento, trabalho bem feito é preciso de mais trabalho e uma boa pitada de sorte!!!
E para Floripa o recado: dia 16 de julho tem show de lançamento em Floripa, na Célula Cultral, no bairro João Paulo. IMPERDÍVEL!!!
Se vc ainda não conhece acessa aí:
http://www.aerocirco.com.br/
lá tem os links do blog no portal MTV, todas as novidades da banda e ainda é possível conhecer duas músicas novas que a banda tocou, ao vivo, na TV Trama.
Então corre lá!!!

sábado, 5 de junho de 2010

Exile Main St. em edição de luxo!!!!!

Acabei de assistir ao documentário "Exile on Main St." dos Stones.  Simplesmente foda!!!
Sempre tive um amor especial por este disco, não há nele os maiores sucessos dos Stones, mas sempre gostei muito. Tanto que tenho em minha casa um quadro com a capa do trabalho.
Hoje vendo o documentário percebi que realmente aquele trabalho tem um tom especial.
A maior parte do trabalho foi gravada no porão da Villa Nellcôte, uma mansão alugada por Keith Richards, no sul da França.
Eles resolveram sair da Inglaterra por causa dos impostos e afins e se isolaram num lugar onde poucos conheciam eles.
Num ritmo de comunidade e a base de muitas drogas tocavam a qualquer hora do dia e da noite.
Aí que fui entender o por que desse trabalho sempre ter me passado uma sensação particular...um ar meio jogado... prá mim um dos melhores trabalhos dos Stones. Ali tem músicas que amo como "Sweet Virgínia", "Shine a light", "Torn & Frayed", "Sweet Black Angel", "Let It Loose" !!!
Junto com o documentário está sendo lançada uma edição de luxo do "Exile" com mais 10 músicas que não chegaram a ser lançadas na época.
O produtor Don Was foi chamado por Jagger que segundo reportagem na Rolling Stone, exitou um pouco quando a Universal Discos sugeriu o relançamento. Ele achou que a banda já tivesse usado no álbum duplo tudo o que havia sido composto na época. Mas ele mesmo se surpreendeu:"Pesquisei os arquivos e desenterrei muitas coisas. Adicionei algumas percussões e vocais. Keith colocou a guitarra em uma ou duas faixas."
Para Was, que é responsável pela produção dos álbuns do Stones desde "Voodoo Lounge", foi um presente e tanto: "Eu ouvia uma jam de blues, de repente havia uma versão de Wild Horses com apenas Mick, Keith e uma orquestra de cordas." Imagina o tesouro!!!!
Keith Richards contou que não quis mexer muito nas canções. "Eu realmente queria deixar as faixas da mesma forma que eram. Elas ainda têm aquele ótimo som de porão".
As fitas encontradas estavam desorganizadas e tinham vários trabalhos misturados. Bem que podiam recuperar todas essas versões...
O documentário reune imagens da época que nem os Stones lembravam e depoimentos da época e recentes.
Coisa boa que recuperaram essa parte da história!!!
Um presente prá quem curte Rolling Stones.

terça-feira, 1 de junho de 2010

Roberta Campos - Música dos olhares!!!


Dias atrás tinha em meu twitter uma sugestão de Carolina Zocoli. "Ligia ouve o som da Roberta Campos"!
Eu, que adoro conhecer novas músicas, novas vozes fui lá no my space da Roberta http://www.myspace.com/robertacampos  e tive mais uma daquelas belas supresas: uma bela voz feminina, doce e cheia de poesia!
Comecei a pesquisar um pouco sobre a Roberta, uma mineira de Caetanópolis. Compositora que gosta de falar de olhares, de amor. Está com um CD na praça que lançou nos formatos CD e Vinil. "Varrendo a Lua" traz nove composições próprias que como ela mesma diz "Cada música deste disco foi escolhida porque uma completa a outra, uma mensagem dividida em histórias, em momentos, mas um único amor".

E são belas canções!!

"Olhe bem no fundo dos meus olhos e sinta a emoção que nascerá quando você me olhar. Te amarei de janeiro a janeiro até o mundo acabar.(...)
Mas talvez, você não entenda
Essa coisa de fazer o mundo acreditar
Que meu amor, não será passageiro" (De Janeiro a Janeiro)

"Quero ver você com esses olhos
Olhando para mim olhar inteiro
Falo bem baixinho e completo" (Mundo Inteiro)

"vou chorar
às vezes vou sorrir de amor
ser assim trazer o lado bom das cores" (Aqui, Ali)

Como sempre falo, o termômetro para saber se eu curti o som é aquela não vontade de pular as músicas. No caso de Roberta ouví-la me trouxe paz.
No texto de apresentação Alexandre Ktenas diz que Roberta rima música com magia. É uma bela definição!
Carolina Zocoli, de quem veio a indicação, divide a composição de "Felicidade" com Roberta.
Além das nove composições próprias neste trabalho ela também apresenta uma bela regravação da música de Milton Nascimento "Quem sabe isso quer dizer amor".
No My Space ainda tem uma versão para a música "De Janeiro a Janeiro" onde ela divide os vocais com Nando Reis.: "de repente o cara que cantava Marvin estava ali na minha frente, cantando a minha música".  
Um presente prá ela e prá nós. Ficou lindo!
Prá quem gosta de boa música brasileira fica aí a dica: Roberta Campos!
Sorte a ela porque a poesia do olhar em belas músicas sempre são bem vindas!!!!